Twitter Facebook Google Plus Youtube

Southern Rock Rádio

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

The Allman Brothers Band - At The Filmore East

The Allman Brothers Band - At The Filmore East

Este é sem dúvida o melhor material já lançado pelo The Allman Brothers Band. Só de ouvir algumas das músicas desse disco você pode dizer que o brilho da banda era totalmente intenso. Para ter uma melhor idéia do poder deste álbum, até os próprios membros do grupo já afirmaram terem se frustrado fazendo os discos de estúdio que vieram depois.

1) StatesboroBlues - É uma música de William McTell. A canção começa com um sensacional slide matador de  Duane Allman. E isso continua durante a música inteira. A voz suave de Gregg combina muito com o som. É provavelmente o melhor trabalho de Duanne. A seção rítimica e lírica são tão sensacionais nesta canção que chega a ser assustador. Facilmente um destaque.

2) Done Somebody Wrong - Outro cover, dessa vez de Elmore James. Como Gregg diz antes de a música começar, a sua história é verdadeira como um monte de velhas canções do Blues. Começa com um slide realmente cativante. Há alguns solos fabulosos desempenhados por Duane e Dickey Betts que realmente se destacam. Depois de ouvir a versão original, só posso dizer uma coisa:  esta versão é muito, mas muito melhor. Simplesmente um arregaço!

3) Stormy Monday - Música de T-Bone Walker. Tem um solo fabuloso que se encaixa perfeitamente com a sua execução. Fora a emoção de todos os membros da banda que é nitidamente percebida. E depois há um solo de órgão que você, com certeza, não espera do Allman Brothers. Mas, surpreendentemente, se encaixa muito bem com a música fazendo tudo ficar ainda mais sensacional.

4) You Don't Love Me - Originalmente de Willie Cobbs. Este é um dos “congestionamentos” mais longos do álbum. O que é apropriado, considerando que eles são uma Jam Band. Tem dos riffs mais sensacionais que já tive a oportunidade de ouvir. Além disso, o órgão se faz presente, fazendo dupla com a guitarra de se tirar lágrimas dos olhos, seguido por um solo incrível, mais rápido e feroz do que os outros no álbum. Há um ponto da música onde tudo para, dando passagem a Duane. Ele brilha na canção, sem dúvida, a melhor parte na música. Num piscar de olhos tudo muda, as passagens de tempo dão a impressão de que outra música surgirá. Mas não, é apenas uma pequena mudança. Fabuloso!

5) Hot 'Lanta - Finalmente algo original. É um instrumental onde todos os membros da banda começam a mostrar suas habilidades. Cada um tem o seu tempo para brilhar e ser ouvido.Gosto da música, mas é impossível tecer comparações com as demais desse álbum. Cumpre o seu papel, nada mais que isso.

6) In Memory of Elizabeth Reed – Outra música original e talvez a mais familiar para você. Tem um toque mais Jazzístico. O trabalho de guitarra nessa música é incrível, se desviando completamente do estilo. Ou grande solo de órgão, talvez o melhor em todo o álbum. Música fantástica.

7) Whipping Post - Você já ouviu alguma outra música do Allman Brothers Band sem nunca tê-la ouvindo antes? Talvez a mais conhecida para a maioria das pessoas. Tem um riff bastante reconhecível. E essa ao vivo é provavelmente uma das melhores versões da banda. Esta versão é praticamente inteirinha de improvisações e é incrível como eles conseguiram amarrar os 4 minutos originais (do disco) para se tornar uma música de 20 minutos sem se perderem em uma nota sequer. Me arrepio ouvindo isso.

Este é e sempre será um dos meus álbuns favoritos de todos os tempos. Recomendo de olhos fechados, mais especialmente para quem gosta de Classic Rock, Jam Bands, e Southern Rock. Se você curte qualquer uma dessas sub-divisões, esse disco será um deleite para seus ouvidos.

Duane Allman - Guitarra e Slide
Gregg Allman - Orgão e Vocais
Dickey Betts - Guitarra
Berry Oakley - Baixo
Butch Trucks - Bateria
Jaimore - Bateria e Congas

0 comentários:

Postar um comentário